Novembro Azul

Em 2003, em Melbourne na Austrália, Travis Garone e Luke Slattery tomaram a iniciativa de abrir os olhos do mundo para a saúde masculina. Inspirados na mãe de um amigo que participava da campanha do Outubro Rosa, resolveram arrecadar dinheiro para instituições de tratamento de câncer de próstata. A Fundação do Câncer de Próstata de Austrália foi a primeira instituição a ser parceira da atitude dos dois. Juntaram-se com mais dois amigos, Adam Garone e Justin Coghlan, e apelidaram aquele atual novembro de Movember. O nome faz referência a moustache (bigode em inglês) e november (novembro em inglês).

Como estavam tratando de um assunto relacionado a saúde masculina, resolveram, atitude simbólica, deixar seus bigodes crescerem durante todo o mês. Essa seria a marca principal da campanha.
Passaram a chamar de Mo Bros e Mo Sister as pessoas que colaboravam com sua campanha e no segundo ano de campanha já somavam mais de 450 voluntários e mais de R$118.000,00.
Em 2006 foi realizado um estudo no país que mostrou que além do câncer de próstata, a depressão e a ansiedade também era fatos agravantes nos homens. À partir daí o mundo passou a olhar com mais cautela para a saúde masculina.
Passados os anos de Movember, a campanha já voluntariou mais de 4 milhões de pessoas e já arrecadou mais de R$1 bi, fundos distribuídos para instituições de mais de 20 países.
No Brasil a campanha teve início em 2012, por uma parceria da Sociedade Brasileira de Urologia com o Instituto Lado a Lado Pela Vida.

O que é a próstata?

A próstata é uma glândula masculina que é responsável pela produção e armazenamento do líquido espermático, isto é, é a glândula responsável pela reprodução do homem.

Câncer de Próstata

Esse tipo de câncer é mais comum do que se parece. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer, é a segunda doença mais comum nos homens, perdendo apenas para o câncer de pele não-melanoma. Em uma projeção feita pelo Instituto, no ano de 2014, 12 mil homens descobrirão o câncer em estágio avançado, complicando o tratamento e correndo risco de morte.

Sintomas

Na maioria dos casos, não existem sintomas na fase inicial da doença. Por isso a atenção deve ser redobrada à partir dos 40 anos do homem. Em alguns casos ocorrem diferentes sintomas:

  • Jato de urina reduzido ou muito fraco;
  • Sensação de bexiga cheia, mesmo acabando de urinar;
  • Sangue na urina ou no esperma;
  • Problemas para conseguir manter uma ereção;
  • Sensação de dor na parte baixa das costas ou na pélvis (abaixo do testículos);

Tratamento

Existem vários tratamentos para o câncer, e todos eles vão depender de qual estágio se encontra o mesmo. Caso o câncer afete somente a próstata, que é o caso mais comum, podem ser feitos diferentes tratamentos, sendo eles:

  • Vigilância ativa – consiste em acompanhar de perto a próstata, sempre fazendo check-up e isso ajuda também a evitar o tratamento desnecessário em homens com baixo risco de câncer;
  • Cirurgia – a próstata é retirada por completa;
  • Braquiterapia – implementação de sementes radioativas na próstata;