Atividade física na 3ª idade previne doenças cardíacas

Ao aposentar nos tornamos mais ociosos, com isso a tendência é que tenhamos problemas no coração.
A chave para continuar longevo é ser ativo e praticar esportes na velhice. O diretor científico do Departamento de Educação Física da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP), afirma a benfeitoria que atividades físicas podem fazer na melhor idade: “A atividade física de modo geral é capaz de prevenir e auxiliar no tratamento de doenças do coração. Para as pessoas que estão na terceira idade, é também uma excelente ferramenta para o combate de doenças cardíacas porém, antes desses indivíduos iniciarem qualquer tipo de exercício, é necessário que eles procurem um médico de confiança para avaliar as possíveis limitações de ordem ortopédica e cardíaca, para que o exercício seja feito de forma segura”.

A fala dele contrasta com a informação do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), que afirma que três a cada quatro idosos no Brasil têm doença crônica e, diante desse quadro, manter exercícios contínuos pode, além de prevenir doenças cardíacas, evitar diversos outros problemas que afetam o coração como hipertensão que pode até promover hipertrofia cardíaca. Se uma caminhada regular for feita, o idoso terá uma pressão arterial menor diariamente, diminuindo o perigo de diversas doenças.

Exercícios na Terceira Idade
Os exercícios aeróbicos são os mais indicados para combater as doenças do coração, ou seja, atividades que envolvem grandes grupos musculares, realizadas de forma rítmica, contínuas e por um longo período de tempo. Para iniciar, é recomendado a caminhada diária, que deve ser realizada de forma moderada, com duração entre 30 a 40 minutos. Entretanto, antes de iniciar qualquer tipo de esporte durante a terceira idade, o especialista ressalta que indivíduo deve procurar um médico para realizar um check-up, possibilitando que a prática da atividade física seja eficaz e segura.

Exercícios na terceira idade

 

VEJA TAMBÉM: